×

Utilize o teclado para navegar, com Ctrl + nº da tecla

Ctrl + 1 (menu) Ctrl + 2 (conteúdo) Ctrl+ 3 (busca) Ctrl + 4 (mapa) Ctrl + 0 (acessibilidade)

A +

A -

Padrão


Original

Contraste

Notícias


Vacinação contra o Sarampo tem baixa procura

Fonte: Ascom
Data de publicação: 8 de outubro de 2019


Começou nesta segunda-feira (7), a campanha nacional de vacinação contra o sarampo de 2019. A vacina trivalente, que ainda protege contra caxumba e rubéola, estará disponível nos postos de saúde de Uruguaiana, com foco em dois grupos: crianças de 6 meses a menores de 5 anos e adultos de 20 a 29 anos.
Como há dois públicos-alvos, a campanha será dividida. De 7 a 25 de outubro, os pais devem levar as crianças dentro daquela faixa etária para receber a vacina. Haverá um Dia D no dia 19 de outubro, um sábado.

O Ministério da Saúde pretende imunizar 2,6 milhões de pequenos. Eles estão entre os grupos mais suscetíveis às complicações do vírus.
Após um intervalo, o dia 18 de novembro marca o início da vacinação contra o sarampo entre brasileiros de 20 a 29 anos. Espera-se proteger 13,6 milhões de adultos.
Esse pessoal, embora mais resistente do que as crianças aos efeitos graves do sarampo, apresenta taxas de vacinação especialmente baixas. “É importante ressaltar que tanto a vacina tríplice viral como a tetravalente (que evita também a catapora) são aplicadas na rede pública o ano todo em brasileiros de até 49 anos que cumprem certos requisitos, dentro ou fora de surtos”, ressalta a enfermeira responsável pelo setor de Vigilância Epidemiológica, Luciane Dias Freitas.

Em Uruguaiana a baixa procura verificada no primeiro dia de vacinação preocupa. “A situação é muito preocupante, pois o nosso objetivo é proteger toda a nossa comunidade. Se não vierem vacinar continuaremos vulneráveis. Vale lembrar que depois de termos o primeiro caso não vai adiantar virem reclamar. A vacina está disponível e é a única forma de prevenção”, explica Luciane Dias Freitas.

O Ministério da Saúde informou que há 5.404 casos confirmados de sarampo em território nacional. Mais de 95% estão concentrados em São Paulo, mas 18 estados já registraram infecções pelo vírus. Seis pessoas morreram.

No Posto Central, a vacinação está sendo realizada diariamente das8h às 10h e das 10h30min às 11h30min e das 13h às15h e das 15h30min às 17h.

© Copyright 2018 - Direitos reservados à Prefeitura de Uruguaiana/RS

topo