×

Utilize o teclado para navegar, com Ctrl + nº da tecla

Ctrl + 1 (menu) Ctrl + 2 (conteúdo) Ctrl+ 3 (busca) Ctrl + 4 (mapa) Ctrl + 0 (acessibilidade)

A +

A -

Padrão


Original

Contraste

Notícias


Primeira Downlimpíada: correndo contra o preconceito

Fonte: Ascom
Data de publicação: 8 de outubro de 2019


O domingo, 6, teve sua tarde abrilhantada por uma competição que objetivou a coletividade, a inclusão social e a cidadania. Trata-se da Primeira Downlimpíada, evento idealizado pelo projeto Inclusão em Movimento da Unipampa, realizado em parceria com o Sesc e a Prefeitura Municipal.

O evento voltado para as pessoas com Síndrome de Down fez jus à proposta de inclusão e pluralidade, já que não limitou participantes, contando também com a adesão de cadeirantes e atletas usuários de próteses. Na oportunidade os participantes ocuparam as dependências da EMEI Cecília Meireles para realizarem corridas de distâncias curtas monitorados pelos acadêmicos e docentes do Inclusão em Movimento.

Todos os participantes ganharam medalhas pelos seus esforços, visto que o evento não teve caráter competitivo. A organização também disponibilizou alimentação aos atletas, numa tentativa de tornar o ambiente o mais agradável possível. “O grande destaque desta tarde fica por conta da própria realização deste evento. Hoje testemunhamos um grande engajamento por parte destes atletas, que se propuseram a vir aqui para mostrar-nos que não podemos nos intimidar com as barreiras do dia-a-dia”, pontuou o secretário adjunto da paste de Esportes, Lazer e Cultura, Raphaelly Félix, parceiro desta empreitada esportiva, referindo-se ao exemplo de superação demonstrado pelos atletas participantes.

Outro que vibrou com o acontecimento foi o prefeito Ronnie Mello: “Estendemos nossos parabéns à iniciativa do projeto Inclusão em Movimento, pois a realização da Downlimpíada serve como uma forma de enfrentar preconceitos, estereótipos e promover a igualdade e a inclusão de indivíduos com deficiência”, vibrou o Prefeito. “Todos podemos fazer a diferença no processo de inclusão. Precisamos da nossa população na linha de frente das mudanças sociais”, concluiu.

© Copyright 2018 - Direitos reservados à Prefeitura de Uruguaiana/RS

topo